Seu site de notícias do Internacional

Sávio Sampaio e Rafael Traci precisam ser banidos da arbitragem brasileira

0

Com um jogador a mais desde os 5 minutos de jogo, o Inter abriu 2 a 0 contra o Botafogo, mas sofreu a virada com um gol aos 55 minutos do segundo tempo.

O árbitro Sávio Pereira Sampaio, que carrega a bandeira FIFA de modo inacreditável, foi o grande responsável por um dos maiores assaltos da arbitragem brasileira.

O Inter foi garfado pelos homens de apito e pelo VAR. Quando a partida estava em 2 a 2, Alemão recebeu uma cotovelada de Klaus dentro da área. Rafael Traci, que estava no comando do VAR inexplicavelmente não chamou para revisão.

Aos 47 do segundo tempo o Inter chegou a vitória com gol de Mercado, mas mais uma vez o VAR operou o colorado. O zagueiro colorado estava em posição legal, mas o VAR colocou as linhas no braço do defensor colorado e arrumou um impedimento que não existiu.

Traci já havia prejudicado o Inter em 2019 contra o Palmeiras. A arbitragem brasileira chegou ao seu limite de vergonha. Esses dois de hoje mancharam o Brasileirão e precisam ser punidos severamente. A expulsão do quadro de árbitros da entidade seria o mais justo.

Últimas notícias

1 De 6.065