Roberto Melo fala sobre confrontos contra o Nacional: “Ninguém queria pegar o Inter”

0 3.012

Em sorteio na noite desta segunda-feira em Luque, no Paraguai, ficou definido que o colorado enfrentará o Nacional-URU. Os jogos das oitavas de final da Libertadores serão a Copa América. Em entrevista para a Rádio Gaúcha, Roberto Melo analisou o confronto e citou as vantagens do colorado que terá uma curta viajem até Montevidéo.

Leia: Uruguaios lamentam encarar o Inter na Libertadores: “Nem o City queria cruzar com o Inter”.

“O Nacional é uma equipe tradicional do futebol sul-americano, que já conquistou muitos títulos. Sabíamos que qualquer um que fosse seria difícil, Libertadores não tem moleza, não tem jogo fácil. Em casa, fora, é sempre complicado. Teremos uma viagem curta, Montevidéu é perto de Porto Alegre, e isso é um facilitador. É uma viagem curta, não tem altitude. Mas estamos preparados para qualquer adversário. Temos certeza de que qualquer adversário que fosse não queria pegar o Inter. Não vai ser fácil, mas estamos preparados para fazer grandes enfrentamentos” – revelou o dirigente colorado.

 “Evidente que tem algumas equipes que a gente não gostaria de enfrentar neste momento. Algumas equipes vivem melhor momento do que outras, então nesta fase da competição não seria interessante enfrentar. Mas o Nacional é um grande clube, é uma equipe tradicional. Eles jogam a vida, vamos ter muitas dificuldades. Mas estamos preparados e queremos chegar a esses confrontos melhor ainda. Vamos utilizar a parada para recuperar alguns jogadores e para qualificar ainda mais o grupo. Sabemos das dificuldades, mas estamos preparados para enfrentar qualquer adversário”. – finalizou Roberto Melo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies