Jornalista diz que declarações e negacionismo de Bolsonaro atrapalha retorno da Libertadores

0 1.263

A Conmebol trabalha nos bastidores para o retorno das competições Sul-Americanas, dentre elas a Libertadores e Copa Sul-Americana. Porém, para o jornalista e blogueiro do UOL, Marcel Rizzo, declarações e o negacionismo do governo de Jair Bolsonaro atrapalha o retorno da competição.

“O negacionismo do governo federal com relação à pandemia do novo coronavírus assusta os países vizinhos ao Brasil, já houve declarações públicas de políticos argentinos e paraguaios, e isso reflete no futebol. Cartolas sul-americanos se pronunciaram em reuniões contra jogar no Brasil a curto prazo. E a Libertadores? E a Copa Sul-Americana?” – escreveu Rizzo, em sua coluna no UOL Esportes.

Para as competições retornarem, é necessário que o surto de coronavírus esteja controlado nos países participantes. O Brasil, é o caso mais difícil, onde existe o maior número de infectados e mortos.

“O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pressionou nas últimas semanas pelo retorno do futebol. Argumenta que o povo, de quarentena em casa, precisa de diversão. O problema é que, hoje, é o negacionismo de Bolsonaro que atrapalha qualquer planejamento de retorno da Libertadores e da Sul-Americana, dois dos torneios que mais empolgam os torcedores” – completou o comunicador.



Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Loading...