Edinho teve depressão e problemas com álcool na época em que provocou a torcida do Inter

0 1.590

O volante Edinho defendeu as cores do Inter entre os anos de 2003 a 2009. Nesse período conquistou 7 títulos entre os quais, Libertadores e o Mundial de 2006. Em 2014 assinou com o Grêmio. No Grenal dos 5 a 0, vestia a camisa tricolor e disse à época, que vencer o Inter com a camisa do Grêmio, foi sua maior conquista.

Em entrevista ao Show de Esportes da Rádio Gaúcha, da última quinta-feira (21), o jogador disse estar muito arrependido e que a declaração era sobre dar a volta por cima, depois de ficar 6 meses afastado pelo técnico Felipão.

“Foi uma declaração muito equivocada de minha parte. Fui muito mal. (…) Eu estava com depressão, bebendo muito. Foi um momento muito complicado na minha vida. O que me salvou foram meus amigos de Capão da Canoa. Eu saía de Porto Alegre depois do treino e ia para a praia. Eu não precisava ter falado aquilo naquele momento. Me arrependo amargamente do que falei”. 

“Sou um cara que erra demais. Eu paguei esse tempo. Foram cinco anos sem falar com ninguém, com amargura muito grande no meu coração. Demorou muito para eu conseguir meu espaço no Inter e por um erro gravíssimo da minha parte as coisas mudaram. Já pedi perdão, mas não tenho vergonha de pedir desculpa. Mesmo que peça perdão, sei que essa marca fica. Respeito o torcedor e essa mágoa. Mas tenho lutado para mudar minha vida”.

 



Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Comentários
Loading...