Seu site de notícias do Internacional

Árbitros responsáveis pelo VAR em Inter x Botafogo são punidos pela CBF

0

A derrota do Inter para o Botafogo neste domingo escancarou uma das piores arbitragens dos últimos anos. A grande parte das lambanças em campo foram causadas pelo VAR, que era operado pelo paranaense Rafael Traci.

A atuação foi tão ruim que a CBF decidiu colocar “na geladeira” Traci e Helton Nunes, que era o assistente de VAR (AVAR). Eles estavam escalados para trabalhar no clássico entre Palmeiras e São Paulo e acabaram sendo substituídos.

“A Comissão de Arbitragem comunicou, nesta segunda-feira (20), a alteração da designação de VAR e AVAR da partida entre São Paulo e Palmeiras, pela 13ª rodada do Brasileirão Assaí 2022. A alteração se dá em razão dos árbitros designados anteriormente, Rafael Traci e Helton Nunes, estarem sob avaliação do seu desempenho técnico. Como existe tempo hábil para nova designação, o VAR substituto será Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral e o AVAR será Vitor Carmona Metestaine” – informou a comissão de arbitragem da CBF.

Como erros graves dos profissionais temos 3: o pênalti mal marcado para o Botafogo seguido da expulsão de Philipe Sampaio, o pênalti não marcado em Alemão e o gol legal de Mercado, anulado por impedimento onde a linha gráfica foi colocada no braço do defensor argentino.

Por momento, Sávio Pereira Sampaio, que é árbitro FIFA e comandou o jogo, não teve punições anunciadas.

Últimas notícias

1 De 6.065